Resenha: Para Onde Ela Foi

21.4.16 Cuca Literária 2 Comentários






Livro: Para Onde Ela Foi
Autora: Gayle Forman
Editora: Novo Conceito
Número de Páginas: 240
Ano da edição: 2014


Sinopse: Meu primeiro impulso não é agarrá-la nem beijá-la. Eu só quero tocar sua bochecha, ainda corada pela apresentação desta noite. Eu quero atravessar o espaço que nos separa, medido em passos - não em milhas, não em continentes, não em anos -, e acariciar seu rosto com um dedo calejado. Mas eu não posso tocá-la. Esse é um privilégio que me foi tirado. 


Resumo e opinião


 "Para Onde Ela Foi" é a continuação do livro "Se Eu Ficar", de Gayle Forman (que foi a nossa primeira resenha aqui no blog). Nessa nova narrativa, que é contada sob o ponto de vista de Adam, já se passaram três anos desde o acidente que culminou com a morte dos pais e do irmão de Mia (a única sobrevivente do desastre). Durante esse tempo, cada um seguiu o seu próprio caminho: enquanto Mia se torna uma estrela em ascensão na Juilliard, Adam e a sua banda, a Shooting Stars, disparam na mídia e arrebentam nas paradas de sucesso. 

 Adam agora é bastante famoso, vive em Los Angeles com sua namorada Bryn, uma atriz mundialmente conhecida, e é cercado por jornalistas que a todo custo querem obter um furo jornalístico sobre a vida do músico e sua banda. Na sua última noite antes de uma grande turnê, Adam resolve sair do hotel e vagar pelas ruas de Nova York, quando inesperadamente, se depara com um grande pôster anunciando o concerto de Mia no Carnegie Hall. Tomado por um forte impulso, ele compra um ingresso para assistir a apresentação, na expectativa de apenas ouvir Mia tocando violoncelo. Ele entra e se assenta. Nenhum dos expectadores reconhecem o novo ídolo do rock, porém, todos os funcionários do Carnegie Hall sim, e através deles, é que chega ao ouvido de Mia que Adam está ali presente. 

 O concerto acaba. Adam está prestes a sair do local, quando de repente, um rapaz chama pelo seu nome e avisa que Mia pretende vê-lo. A partir daí, os caminhos deles dois se cruzam novamente, e essa vai ser a oportunidade para ambos esclarecerem o que foi que realmente aconteceu logo após Mia despertar do coma e sair da vida de Adam, para onde ela foi e o porquê de não ter voltado.

 Este livro me prendeu do início ao fim, acredito que até mais do que o primeiro (Se Eu Ficar), porque além de ser mais focado no romance de Mia e Adam, explora temas como a solidão, causada pela dor de ser rejeitado por um grande amor, e também, fala sobre o perdão, o quão importante ele é na busca da paz interior. A leitura dessa obra é tão fascinante, que precisei de apenas dois dias para concluir, e ainda acho que levei bastante tempo, isso porque, estava bem atarefada com trabalhos da faculdade, e em virtude disso, tive que dar uma pausa nas leituras. 

 Bom leitores, espero que vocês tenham apreciado essa resenha, e em breve trarei outras.

Abraços!



Classificação:





Veja também:

2 comentários:

  1. Olá Hellen, tudo bem?

    Que resenha maravilhosa! Sempre tive vontade de ler esse livro, más nunca achei um tempinho para ele, agora depois de ler sua resenha estou louca para iniciar essa leitura *-*
    Amei o seu blog.....seguindo ♡

    Beijocas ;*

    http://mundodosonhos2.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pelo seu comentário, fico feliz que você tenha gostado tanto do blog quanto da resenha!

      Abraços!

      Excluir